Designer privilegia madeira eco-friendly em tábuas de corte artesanais

As tábuas de corte estão ficando cada vez mais sofisticadas. E artesanais.

Durante uma visita no Rio de Janeiro a um bazar de produtos eco-friendly, conheci a Taubá.

Recortes de uma amendoeira caída no campus da PUC, que fica na Gávea, no Rio de Janeiro

A nova marca trabalha com retalhos de madeira de reflorestamento ou muitas vezes troncos de árvores caídas naturalmente.

Conta Theo Guarnieri, dono da Taubá, designer e artesão, junto com sua sócia Marcela Bellei, que algumas delas expostas no bazar vieram de uma amendoeira caída no campus da PUC – Pontifícia Universidade Católica situada no bairro da Gávea, zona sul da capital.

Tábuas artesanais da Taubá exploram ao máximo o potencial do tronco como peça única - R$ 120 e R$ 240
Tábuas artesanais da Taubá exploram ao máximo o potencial do tronco como peça única – R$ 120 e R$ 240

O resultado é bonito e diferente de muitas tábuas artesanais que já vi.

As tábuas podem vir de sucupiras brancas, eucaliptos de reflorestamento, roxinhos, jatobás, garaperas e perobas mica, entre tantas árvores que ele utiliza em suas coleções.

O artesão e dono da Taubá, Theo Guarnieri, e uma de suas tábuas com alças de aço inox
O artesão e dono da Taubá, Theo Guarnieri, e uma de suas tábuas com alças de aço inox

As peças podem ter acabamento com formatos redondos ou quadrados ou aproveitando o máximo da peça única, com direito a cabo esculpido na própria peça _que nunca vai ser certinho como as industriais.

Em outra linha, ele trabalha com peças retangulares com alças em aço inox para facilitar o transporte.

Garanto que todo churrasqueiro  vai querer uma para levar para a mesa as peças que trabalhou carinhosamente na grelha.

Muitas vezes ele prefere apenas cortar o tronco e deixar em seu formato natural, mas dando acabamento para que não fique extremamente rústico.

Suas peças são tão bem desenhadas que podem ser utilizadas apenas para receber pães, queijos ou outros quitutes que vão bem sobre a madeira.

Formatos certinhos ou respeitando o tronco da árvore talhada - R$ 180 e R$ 140
Formatos certinhos ou respeitando o tronco da árvore talhada – R$ 180 e R$ 140

A madeira usada na Taubá pode receber óleo sem aditivos químicos. Produto necessário para que fique preparada para sua finalidade.

Detalhes das alças em aço inox da Taubá
Detalhes das alças em aço inox da Taubá

E não atrapalhe o sabor do alimento que será trabalhado em sua peça.

Os preços cobrados pela Taubá variam de acordo com a madeira, tamanho e tipo de trabalho, assim como acessório como alças.

Material de trabalho de Theo Guarnieri
Material de trabalho de Theo Guarnieri

Theo colocou a Taubá no Instagram, canal que utiliza para receber encomendas. Corre, porque muitas peças são únicas e as coleções são do tamanho da madeira adquirida.

Onde comprar Taubá: aqui.

Taubá no Face, aqui.

» Cozinha Brilhante não se
responsabiliza por alterações
de preços e ausência de
produtos em canais de vendas,
assim como por links
inexistentes ou inválidos.
Preços pesquisados em 10 de
abril de 2016 não incluem
frete. Fotos do blog e do
acervo de Theo Guarnieri.
Anúncios

Um comentário em “Designer privilegia madeira eco-friendly em tábuas de corte artesanais

Diga aí:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s